quinta-feira, 9 de setembro de 2010

A PALAVRA DE DEUS


NÍVEIS DA PALAVRA

Ao escutar as Escrituras na liturgia e lê-la em particular, parece haver uma dinâmica inerente à Palavra de Deus que gradativamente nos movimenta de um nível de fé para o seguinte.



QUATRO SENTIDOS DA ESCRITURA

São quatro níveis de escutar a mesma passagem. As Escrituras contem uma dinâmica misteriosa que nos move para níveis ainda mais profundos de entendimento da Palavra de Deus:

1-Literal - busca o sentido histórico cultural, a fim de entender e interpretar a Palavra. O que Ele quer nos dizer por intermédio dos autores sagrados. É uma meditação discursiva. A mensagem e os exemplos de Jesus, fazem parte dessa categoria.

2-Moral - a Palavra de Deus esta dentro de nós. É uma ação, não apenas uma estátua dentro de nós. Nesta fase, fazemos o que a Palavra diz do que pela quantidade dele que lemos. É quando chegamos a pôr em prática e viver pelas Escrituras.

3-Alegórico - cada vez mais que vamos interiorizando a Palavra, vamos mergulhando em um nível de fé mais profundo, e começamos a compreender que a Palavra esta falando de nós, é a nossa vida ali escrita. A história de salvação, os acontecimentos bíblicos estão disponíveis nos sacramentos e é alcançado pela oração. Aqui começamos a escutar a voz de Cristo, que fala por meio das leituras e reconhecemos nos acontecimentos de nossa vida.

4-Unitivo - neste nível acontece quando você está tão imerso na Palavra de Deus, que a Palavra sai de você como uma espécie de revelação contínua. Você senti, como que aquelas palavras foram escritas por você. Começamos a confrontar o lado mais escuro de nós, com a Palavra. Experimentamos o deserto bíblico, um estado no qual nos sentimos íntimos do que aconteceu com os Israelitas.

A PALAVRA QUE CURA

Ao experimentar esses quatros sentidos das Escrituras cada vez que voltaremos a um texto, experimentamos níveis de entendimento mais alto. A Palavra inicia uma cura profunda em nossa alma, quando chegamos à fase alegórico, permiti-nos ouvir a Palavra sem cera nos ouvidos, ou seja, estando vazios de apegos a nossas idéias. A Palavra contemplada e orada, nos aprofunda no processo de escutar, e realiza a afirmação do nosso ser, que vem pela paz e consolação espiritual e começamos a confiar a nossa vida em Deus.

Sem confiança em Deus, não podemos reconhecer o lado escuro de nossa personalidade, e quando o reconhecemos Deus cura, ilumina. Cada vez que passamos a um novo nível de fé, há uma experiência inicial de desagregação, angústia, confusão e escuridão.

O que nos move de um nível para o outro é justamente a leitura constante das Escrituras. É o Espírito que escreveu às Escrituras, e Ele esta dentro de nós e nos esclarece quanto ao que as Escrituras nos estão dizendo.

continua...

Nenhum comentário:

NOTÍCIAS DA IGREJA